segunda-feira, 3 de outubro de 2011


E dói fingir que te esqueces-te daquilo que mais te lembras, né? Eu sei.

Sem comentários:

Enviar um comentário